Edivaldo abre para Astro, que abre para Chico

astroogumeedivaldo

Conforme noticiado por alguns blogs locais,  o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, poderá entrar com um pedido de licença paternidade pelo período de 15 dias, por conta do nascimento de Vitória,  para se dedicar por mais tempo à família.

Com a possibilidade da ausência de Holanda Jr, o presidente da Câmara, vereador Astro de Ogum (PR), assumiria o comando da Prefeitura, por ser o primeiro na linha sucessória, por conta da vacância do cargo de vice-prefeito, que era ocupado por Roberto Rocha, atual senador da República.

Edivaldo, abre para Astro, que abre para Chico. Deixe-me explicar! Astro assumindo a o cargo de prefeito, daria, automaticamente, a oportunidade para o vice-presidente da Câmara, vereador Francisco Carvalho (PSL), tomar posse como presidente do Legislativo. Entenderam!

Faça um comentário

Vidente faz previsões sobre a eleição da Câmara de Raposa

bola-de-cristal

Conforme solicitado por companheiros de mídia e até por personalidades da Raposa, mais uma vez o vidente Pai Dudu, que trabalha para o amigo jornalista e blogueiro Luís Cardoso, na coluna do Pinto Rego, vai fazer uma participação no Blog do Udes Filho com sua famosas previsões políticas, sobre os bastidores da Raposa.

Antes, porém, gostaria de agradecer ao companheiro Luís Cardoso por permitir a participação especial do vidente em nosso blog.

PRESIDÊNCIA DA CÂMARA

A primeira previsão de pai Dudu se refere a quem será o próximo presidente da Casa de Leis. O vidente afirma que o próximo chefe do Legislativo raposense, será do PCdoB, terá bom transito junto às entidades de defesa do funcionalismo público e terá, também, no nome, as letras (A), (k), (E) e (B).

Pai Dudu afirma que o presidente será eleito com mais ou menos nove (9) votos, contando com todos os vereadores eleitos na coligação de Talita Laci e a quase totalidade dos vereadores eleitos nas coligações dos candidatos derrotados Eudes Barros (PR) e Ocileia Fernandes (PRB).

Pai Dudu disse ainda que talvez não exista uma chapa concorrente ao candidato indicado pelo grupo do PCdoB. Segundo as previsões, apenas três vereadores podem ficar de fora da chapa vencedora.

O VOTO DE ENOQUE

Na segunda previsão, Pai Dudu aceitou o desafio do vereador Enoque. O vereador desafiou em publico o vidente Pai Dudu a revelar em quem que ele [Enoque] votará para presidente da Câmara, no dia 1º de janeiro. Pai Dudu me respondeu: “Enoque é homem de palavra, e vai votar no vereador Beka para presidente da Câmara. E ai Enoque, o homem acertou mesmo?

O VOTO DE LAURIVAN

Outro voto muito questionado nos últimos dias, é o do vereador Laurivan (PMDB), que foi eleito pela coligação do Eudes Barros, mas no ultimo minuto declarou apoio a Ocileia Fernandes. Pai Dudu disse que observou uma frase no voto de Laurivan que dizia assim: “Voto e  beijo se dá para quem quiser”. O vidente não entendeu, eu não entendi, mas Laurivan deve saber do que se trata. Pai Dudu confessou ao editor deste blog que sabe em quem Laurivan vai votar, mas como ele não comprou ainda um colete à prova de balas, achou melhor calar… “É que Laurivan anda muito estressadinho nos últimos dias”, disse o vidente.

IVONETE NÃO VAI

Outra previsão de Pai Dudu, se reporta à convocação proposta pelo vereador Laurivan para que a primeira-dama, Maria Ivonete, compareça à Câmara na sessão desta sexta-feira (9). De acordo com o vidente, Laurivan pode esperar sentado, já que Ivonete não comparecerá pra cumprir a sua convocação.

REVELAÇÃO NA TRIBUNA

Pai Dudu fez outra previsão a respeito da próxima sessão da Câmara de Raposa. Segundo palavras do vidente: “Da tribuna da Câmara de Raposa, teremos mais uma revelação sobre a eleição da presidência da Casa”. Dudu afirma que algum vereador pode declarar voto, na tribuna, na aproxima sexta. Eita vidente danado!

Faça um comentário

Prefeito de Bacuri deve retornar ao cargo, conforme adiantou a imprensa

politica

O Prefeito afastado do Executivo Municipal da cidade de Bacuri, José Baldoíno Nery, afirmou aos quatros cantos da cidade de que retornaria ao cargo ainda na noite deste domingo (04),  por decisão do desembargador Guerreiro Junior. No entanto, o pedido foi concluído e que em breve a decisão deverá sair.

O mais incrível é que, em menos de 24 horas depois de noticiado na imprensa local, a estratégia do grupo do prefeito afastado era exatamente a de que o processo seria despachado pelo Desembargador Guerreiro Junior, que estranhamente analisou o processo e que possivelmente deverá retornar ao cargo.

Outro fato muito estranho é que, de acordo com o site do Tribunal Justiça do Maranhão – TJMA, o desembargador que estaria de plantão deveria ser o Dr. Jorge Rachid Maluf. Há grandes possibilidades de que houve uma substituição para favorecer o prefeito cassado, ou seja, tudo arquitetado para salvar  Baldoino Nerv.

Na cidade, a indignação é geral. O povo espera uma ação mais arrojada das autoridades, pois não aguenta mais sofrer com os desmandos da gestão municipal.

Faça um comentário

Eduardo Braide vai entrar com processo para cassar mandato de Edivaldo Jr

eduardocapital-e1480775618170

“Não há dúvidas que houve abuso político e abuso de poder econômico na eleição de São Luís”, declarou Eduardo Braide. O deputado estadual informou que está se municiando de dados sobre a eleição municipal de São Luís, realizada em outubro e da qual saiu derrotado, a fim de questionar a reeleição do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). O anúncio foi feito na última sexta-feira (02) ao conceder entrevista aos jornalistas Ailton Nunes e Diego Emir, no programa “Fala, Maranhão”, levado ao ar, de segunda a sexta-feira, das 17h às 19h, na Rádio Capital AM.

Embora esta tenha sido a primeira vez que tratou do assunto publicamente, o deputado estadual já havia constituído um grupo de advogados para levantar todas as denúncias que chegaram ao seu conhecimento, bem como aquilo que foi presenciado pela população, em termos de abuso de poder econômico e político, para formalizar suas denúncias. A interlocutores, Braide tem dito que pode até não ser bem sucedido em São Luís, mas está confiante de que sua representação no TSE será acolhida, tantas são as provas de irregularidades.

O deputado disse que há muito não se assistia no Maranhão uma eleição tão viciada quanto esta de 2016, em que os governos do estado e a prefeitura municipal, despudoradamente, usaram todas as suas estruturas para derrotar um adversário. Não bastasse o uso da máquinas pública, com obras, anúncios de novos serviços, propaganda indireta etc, a parceria entre o prefeito e o governador Flávio Dino patrocinou também jornalistas, blogueiros e veículos de comunicação não para difundir a campanha do candidato do PDT, mas tão somente para desconstruir do a imagem do adversário.

Inclusive, o deputado estadual relatou abusos cometidos por secretários e por candidatos a vereador. É de conhecimento geral que existiam titulares de pastas da Prefeitura de São Luís, que usavam de poder econômico para garantir votos e até mesmo apoiadores.

Eduardo Braide informou ainda que está movendo ações contra todos os seus detratores. Alguns já estão condenados na área Cível e outros aguardam pronunciamento da Justiça na área criminal. Segundo o deputado, estas ações servem para que aqueles que o ofenderam em colunas de jornal, programas de rádio e TV, blogs e pelas redes sociais tenham a oportunidade de provar tudo o que disseram a seu respeito e de seus familiares.

Do Blog de Diego Emir

 

Faça um comentário

Câncer de pênis só perde para câncer de pele no Maranhão

cancer-de-penis

Os números de câncer de pênis no Brasil são assustadores. As maiores incidências estão nos estados do Norte e Nordeste. São 53% de todos os casos de câncer de pênis no país. Os estados do Maranhão, Alagoas e Sergipe lideram as estatísticas. A informação é do Instituto Nacional de Cancer (INCA).

No Brasil o câncer de pênis corresponde cerca de 2,1% de todos os tumores do homem. Um estudo epidemiológico realizado no país mostrou que há regiões que registram 2,9 a 6,8 casos da doença por 100 mil habitantes. Esse percentual representa até 5,7% de todas as neoplasias (tumores) no sexo masculino.

Só o estado do Maranhão, corresponde a 22,7% dos casos de câncer de pênis. Já no Sul do país, esse percentual chega a menos de 1%. Leia mais no Portal O 4º PODER.

Faça um comentário

Eduardo Braide participa de homenagem na Câmara Municipal de São Luís

politica

O Deputado Estadual Eduardo Braide (PMN) esteve na última quarta–feira participando de uma homenagem da Câmara Municipal de São Luís aos vereadores que não obtiveram êxito na eleição municipal de 2016.  A solenidade, que teve como autor o Vereador Ivaldo Rodrigues, contou com a participação maciça dos parlamentares e de seus familiares, que prestigiaram esse grande momento.

Para o deputado e ex–candidato a prefeito de São Luís, esse momento é mais do que merecido aos quinze vereadores que deixarão o parlamento. “Muitos deixaram de estar com os familiares e amigos para se dedicarem aos trabalhos, em benefício da população. Por isso, era mais que merecido o reconhecimento, já que tiveram a coragem de se candidatar à reeleição, e outros que disputaram outros cargos”, disse.

Ao fazer o uso da fala, o Vereador Francisco Chaguinhas falou da importância desse grande ato.  Segundo ele, a iniciativa do Vereador Ivaldo Rodrigues é louvável.  “É muito importante esse momento de homenageamos os vereadores que deixarão esse parlamento a partir de Janeiro de 2017. A Câmara, com certeza, sai na frente, porque é muito difícil fazer uma festa para quem vai embora, ou seja, para aqueles que deixarão o seu legado  neste parlamento municipal”, finaliza.

A homenagem aos vereadores que não obtiveram êxito para a décima nona (19ª) legislatura,  que terá início em janeiro do ano que vem,  destacou  os atuais José Joaquim (PSDB), Sebastião Albuquerque (PRP), Fábio Câmara (PMDB), Rose Sales (PMB), Roberto Rocha Junior (PSB), Armando Costa (PSDC), Professor Lisboa (PCdoB), Luciana Mendes (PP), Barbosa Lages (PDT), Paulo Luiz (PRB), Marlon Garcia (PTdoB), Eidimar Gomes (PSDB), Manoel Rego (PP) Helena Dualibe (PMDB) e Nato Sena (PRP).

Faça um comentário

Projeto “Pró-São Luís”, que visa à valorização da mão de obra local, será apreciado nesta segunda–feira

politica

Tramita na Câmara de São Luis, e deverá ser apreciado nesta segunda-feira (05), o projeto Pró-São Luís, de autoria da Vereadora Rose Sales (PMB), que faz com que as empresas instaladas no município de São Luís possam garantir que  70 por cento  da mão de obra local seja preenchida por ludovicenses.

Para a Vereadora Rose Sales, o projeto é amplo e visa à valorização profissional dos pais e mães de famílias da capital ludovicense. “Temos buscado fazer com que sejam reconhecidos e assimilados os trabalhadores locais. Eles têm sido deixados de lado. Eles têm a capacitação profissional e condições de assumir o emprego. Essa descriminação é prejudicial para centenas de pais de famílias que não têm sido admitidos. É prejudicial para a cidade”, disse.

Faça um comentário

Hipótese do fim da reeleição e nome de Roseana para 2018, na opinião de jornalistas

flavio-e-roseana

O que pensam alguns profissionais de imprensa do Maranhão sobre a possibilidade do fim da reeleição para Flávio Dino (PCdoB) e as consequentes especulações em torno do nome da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) [que se livrou das acusações da “Operação Lava Jato”] numa eventual disputa pelo Governo do Estado em 2018.

A PEC 113-A/2015 está para ser votada em primeiro turno na terça-feira (6). A proposição proíbe a reeleição para cargos no Executivo, facilita a apresentação de projeto de lei de iniciativa popular e torna mais rigorosas as condições para criação de partidos, a chamada cláusula de barreira.

São necessários 49 novos para aprovação, e a PEC ainda precisa ser discutida e votada em segundo turno, o que deve acontecer em 13 de dezembro, conforme previsão inicial do presidente do Senado, Renan Calheiros. O texto foi debatido em Plenário na última quarta-feira (30), quando a maioria dos senadores presentes se manifestou contra o fim da reeleição.

Avaliando o tema, o Blog do Udes Filho conversou com alguns jornalistas/blogueiros de vasta experiência na cobertura dos bastidores da política local. O assunto divide opiniões.

ROBERT LOBATO

lobatoPara Robert Lobato, primeiro a ser abordado pelo titular deste blog, na hipótese do fim do instituto da reeleição, mudaria tudo na política do Maranhão, que ficaria do avesso, podendo de tudo acontecer, dependendo das movimentações e dos interesses envolvidos.

Lobato avalia que, num cenário com Flávio Dino fora da disputa [com o fim da reeleição], o governador teria uma dificuldade em encontrar um nome, pelo menos aparentemente, ressalta. “Fala-se muito no prefeito de São Luís, Edivaldo Jr; em Weverton Rocha; fala-se, também, no próprio vice-governador, Carlos Brandão, e no ex-governador Zé Reinaldo Tavares […] A verdade é que tem muita invenção quando se trata deste tema […] Flávio tendo que concorrer fora do cargo, ao Senado, seria um problema sério […] Não se pode esquecer que em tempos de Lava Jato, quem estiver no poder não pode meter as mãos pelos pés, um governador não pode usar e abusar da máquina pública, tudo está sendo muito fiscalizado pelo Ministério Público, pelo Judiciário e pela própria imprensa, seria muito arriscado”, analisa.

Robert acredita que Roseana Sarney, na hipótese do fim da reeleição, se tornaria, sim, uma candidata muito competitiva.

“Ela [Roseana] tem carisma, voto, bases políticas no Estado e não pode ser subestimada, e acredito que ela possa montar em torno dela uma chapa competitiva, tanto para Governo como para o Senado […] A grande questão é saber se ela está querendo realmente”.

Analisando que o grupo ao qual pertence Roseana não costuma arriscar, Lobato aposta na tese de que a ex-governadora só seria candidata contra o governo comunista, independente do fim da reeleição, tendo pesquisas qualitativas em mãos, apontando chances reais de vitória.

RAIMUNDO GARRONE

garraOutro jornalista e blogueiro político, Raimundo Garrone, ouvido pelo editor deste blog, explicou considerar inócuo o debate sobre o fim da reeleição em âmbito estadual. Para Garrone, as especulações sobre o tema, no Maranhão, são tendenciosas e visam tentar inflar a suposição de um favoritismo do nome da ex-governadora do PMDB numa eventual disputa ao Governo em 2018.

“Prefiro não entrar neste tema do fim da reeleição, já que é algo inócuo neste momento…”.

Por outro lado, o analista acredita que com reeleição ou com o fim dela, Roseana seria o melhor nome para o PMDB. No entanto, não vê favoritismo no nome da ex-governadora quando o assunto é a disputa, de fato, pelo Governo do Estado.

“Não vejo Roseana como favorita contra o atual governo em nenhum cenário, seja com reeleição ou não […] Ela é o melhor nome para garantir posições ao PMDB, mas não acredito que ela pense no partido e que venha a disputar uma eleição sabendo não ter chances reais de vencer”, explicou.

Garrone acredita, também, que o cenário político de hoje é outro, diferente de quando ela [Roseana] tinha o comando do Governo, sendo assim a filha do ex-presidente José Sarney dificilmente conseguiria chegar à vitória, de acordo com a visão do blogueiro.

“Ela [Roseana] sabe da realidade e não é de seu costume entrar numa eleição para perder e, além disso, dificilmente se sacrificaria apenas para garantir melhores condições ao seu partido”, finalizou.

MARCO D’EÇA

deca Já Marco Aurélio D’Eça acredita na força do nome da ex-governadora como principal candidata do PMDB ou da oposição, numa eventual disputa contra o governador Flavio Dino, com ou sem reeleição. No entanto, D’Eça se mostra bem mais otimista em relação às chances de vitória da peemedebista.

Nas postagens feitas em seu blog , o editor de política do jornal O Estado potencializa o poder eleitoral de Roseana e afirma que ela tem sido motivo de preocupação no Palácio dos Leões.

Em uma de suas postagens sobre o assunto, Marco chegou a sugerir [no caso do fim da reeleição] uma disputa entre Roseana e o prefeito eleito de São José de Ribamar, Luís Fernando. Segundo o jornalista, Fernando [ex-aliado de Roseana] figura entre as opções do governador para a sucessão, caso a reeleição seja aprovada. O blogueiro explica que, até agora, Roseana não esboçou interesse em entrar na disputa.

Sobre o fim da reeleição, que supostamente atingiria o governador Flávio Dino, Marco defende em seu blog que o texto da PEC 113A, em seu artigo 101, deixa claro que os governadores eleitos em 2014 e os prefeitos eleitos em 2012 não seriam atingidos pela nova regra aprovada no Congresso. Mas alerta que é preciso atentar para seu ano de origem, que é 2015.

O blogueiro explica, também, que no texto da PEC não consta o termo “presidente”, apenas “governadores e prefeitos”. É que, na época em que foi elaborada – em meados de 2015 – a presidente era Dilma Rousseff (PT), que já havia sido reeleita, em 2014. Não precisava, portanto, que constasse seu nome entre os não atingidos pela nova regra do fim da reeleição.

O presidente hoje é o peemedebista Michel Temer, que em tese, teria direito a pleitear novo mandato em 2018, mas os senadores querem proibir isso legalmente, com um texto claro na PEC. E para estabelecer o fim da reeleição para o presidente, se faz necessário, de acordo com o analista, que esta proibição atinja todos os eleitos em 2014 – o que incluiria, automaticamente, o governador do Maranhão.

NOTA DO EDITOR

Sobre o fim da reeleição, que em algumas teorias atingiria o governador Flávio Dino, concordo com o jornalista Raimundo Garrone. Ainda que exista a real possibilidade do governador comunista perder o direito à reeleição,  vejo muita especulação precipitada, puro “achismo”, portanto, não um fato, de fato.

O  fim da reeleição ainda é abstrato quando se trata de governo estadual. Fato é fato, especulação é especulação. O fim da reeleição para Dino, no momento, é mera especulação. Mas há de se respeitar o direito de quem especula, pois entendo que de certa forma especular faz parte do jogo! 

De fato, o PMDB não tem em seus quadros nome melhor que Roseana para uma disputa ao governo, seja contra Flávio Dino ou qualquer outro indicado pelo Palácio dos Leões. Mesmo sendo derrotada nas urnas, poderia fortalecer o PMDB local.

Uma opção à Roseana pode ser Lobão Filho, que obteve 995.619 (33.69%) nas eleições de 2014, quando foi derrotado pelo atual governador, Flávio Dino. Apesar de não ter traquejo como candidato, Lobinho é nome do PMDB mais fresco na memória do eleitor, depois de Roseana.  É apenas uma opinião!

Se Roseana tem condições de vencer os comunistas, isso eu não sei! E quem sabe? Quem tem uma bola de cristal?

O fato é que o PMDB precisa da candidatura de Roseana para se manter “vivo” ou para fortalecer as raízes, ela perdendo ou ganhando uma disputa em 2018.

Por outro lado, como já foi analisado por Robert e Garrone, Roseana jamais entraria na disputa sem pesquisas qualitativas que lhe apontassem condições técnicas de chegar à vitória.

Enquanto isso, a peemedebista não se manifesta, ao passo que o senador João Alberto, comandante do PMDB, tenta a todo custo emplacá-la como adversária dos comunistas nas próximas eleições.

Agora, é importante frisar que eleição é como jogo de futebol, onde uma boa jogada pode tirar um time favorito do campeonato. Ou onde acontecimentos inesperados remetam à resultados inesperados.

Em 2018, tudo vai depender dos técnicos, dos jogadores e das condições do campo, na partida final que disputará a “Taça Palácio dos Leões”.

 

Faça um comentário

Raposa: Troca de farpas entre vereadores desgasta ainda mais a imagem da Câmara

camara-municipal-de-raposa-2014

Na sessão de sexta-feira (02), na Câmara de Raposa, os vereadores Walmir (PR) e Laurivam Uchôa (PMDB) [reeleito] tiveram um desentendimento parlamentar, que tem repercutido nas rodas de bate-papo da cidade.

Acontece que Laurivan, no auge de sua experiência política, jogador como só ele sabe jogar, durante pronunciamento na Tribuna daquela Casa explicou que suas articulações para os próximos acontecimentos da política local. Em determinado momento, o vereador “meu príncipe” [apelido de Laurivan] disse ser um homem de palavra. “Eu, Laurivam, disse a eles que sou homem de palavra”, se referindo à seus posicionamentos políticos.

A declaração de “meu príncipe” deu inicio uma rápida resposta por parte do vereador Valmir: “O que este rapaz [Laurivan]fala não se escreve, todos sabem que ele passou mais de ano nesta Casa falando que votaria no presidente deste parlamento, Eudes Barros, para prefeito nas eleições municipais, porém não cumpriu, e mudou de lado durante o processo eleitoral. Que isto sirva de lição para os novatos, recém vereadores eleitos […] Não se enganem com estes discursos sem fundamento, apenas palavras lançadas ao vento”, disse Valmir.

A resposta de Laurivan, após a repercussão das declarações de Valmir , não foi nada diplomática. Em nota, Laurivan disse que seu companheiro de parlamento “nunca passou de um sanguessuga”, o acusou de ser explorador, covarde, fraco e puxa-saco do prefeito Clodomir.

A troca de insultos entre os dois parlamentares depõem de maneira negativa e extremamente desagradável. Na opinião do editor deste blog e de pessoas que acompanham o caso, a troca de agressões foi totalmente desnecessária, contribuindo apenas para um desgaste maior da instituição Câmara Municipal, que já é um setor da política local bastante desacreditado pela sociedade.

Faça um comentário

Mãe Dináh: Prefeito afastado já comemora retorno ao cargo em Bacuri

prefeito-baldoino-da-silva-nery
Baldoino Nery Afastado da prefeitura de Bacuri por ato de improbidade administrativa.

O Prefeito afastado do Executivo Municipal da cidade de Bacuri, diz que hoje ainda retorna ao cargo de prefeito, José Baldoino Nery, foi afastado nesta sexta (02) por atos de improbidade administrativa. Pelo juiz titular da Comarca de Bacuri, Thadeu de Melo Alves.

O mais estranho que Jose Baldoino Nery e seu grupo político comemorou hoje o dia todo seu retorno ao cargo de prefeito. Ele já entrou com recurso no Tribunal de Justiça do Maranhão para tentar reverter a decisão do juiz Thadeu de Melo Alves.  A suposta decisão favorável deve sair no plantão do desembargador Guerreiro Junior.

O afastamento do prefeito atende ao pedido do Ministério Público Estadual, que constatou que Baldoíno Nery não vem cumprindo com seus deveres inerentes ao cargo, em especial no que se refere ao pagamento dos servidores municipais. O MP alegou que atrasos nos salários dos servidores são constantes e que não há motivação extraordinária que justificasse o não pagamento.

Pelo que o Blog foi informado uma grande festa já está preparada para essa decisão favorável a Baldoíno Nery.

Pela a terceira vez Baldoíno Nery é afastado do cargo de prefeito por atos de improbidade administrativa.

proceso-baldoino

As informações são do Blog do Gilson Ferreira

Faça um comentário